Cheery HeeringCheery Heering

A história da Peter F Heering, a empresa criadora do Cherry Heering liqueur, começou há 200 anos.

1806 Peter Fredrik Suhm Heering (1792-1875) conseguiu seu primeiro emprego como farmacêutico em Copenhagen (Dinamarca). Começou como aprendiz e depois virou caixa. Durante este período (1806-15), Peter Heering recebeu a receita secreta de um "Cherry Brandy"da esposa de seu patrão.

1815 Peter Heering começa a trabalhar para um comerciante de bens para as colônias e aprende o ofício.

1818 A empresa Peter F Heering é fundada quando, aos 26 anos, Peter Heering abre seu próprio comércio de bens para as colônias em Copenhagen. Era uma pequena loja.

1820-30s Cherry Heering, naquela época chamado de "Cherry Cordial", fica famoso rapidamente. Diversos capitães passam a incluir o licor em sua carga, para vender em portos ao redor do mundo onde comercializavam produtos para as colônias. As exportações aumentaram para muitos países da Europa e ao redor do Mediterrâneo, Brasil, Batávia (Jacarta, atual capital da Indonésia) e Índias Ocidentais (região do Caribe, onde a Dinamarca tinha colônias, como por exemplo St.Croix).

1833 Para obter maior controle sobre as exportações de seu “Cherry Cordial”, Peter Heering adquire seu primeiro navio, a escuna "Arnold", batizado em homenagem a seu primeiro filho. Muitos outros barcos viriam, mas, mais tarde, quando os navios a vapor revolucionaram o transporte marítimo, Peter N. Heering, filho do fundador, decidiu abandonar o negócio de navios em 1876, para focar exclusivamente no comércio do licor.

1836 Estabelecimento do primeiro importador e distribuidor oficial para o Reino Unido, com o envio de 50 caixas de Cherry Heering para um comerciante de vinhos de Londres. Este foi o início de um relacionamento comercial que durou mais de 100 anos.

1837 Um navio de Heering, o veleiro brigue "Christian", parte para a América do Norte com o que acredita-se ter sido a primeira carga de Cherry Heering para os EUA.

1838 Peter Heering compra Heering Gaard, uma propriedade perto de Christianshavn, em Copenhagen, para onde ele realocou todo o seu negócio, incluindo a produção de Cherry Heering. O primeiro filho de Heering, Peter N. Heering, nasceu neste ano.

1841/43 Heering recebe uma carat de um médico dinamarquês que trabalhava na Índia e região. Ele afirma ter encontrado a bebida de Heering à venda em Calcutá, Madras, Pondicherry, Tharangambadi (na época uma colônia dinamarquesa chama Tranquebar) e em toda região, até a distante Rangoon.

1845/47 Chegam as primeiras notícias da chegada do Cherry Heering à China continental. Em 1845-47, o navio de Heering "Galathea" fez uma expedição de volta ao mundo. Quando a tripulação encontrou o Governador do porto chinês de Amoy, os anfitriões chineses serviram "um velho amigo" como digestivo após o jantar. Segundo relato do capitão do Galathea, esta foi a forma a que eles se referiram ao Cherry Heering.

1868 Peter F. S. Heering sofre um acidente do qual nunca se recuperaria totalmente e seu filho mais velho, Peter N. Heering, então com 30 anos, assume a condução dos negócios.

1870-73 Caixas de Cherry Heering são constantemente entregues ao iate real inglês "Victoria and Albert", quando ancorado em Copenhagen. Estas entregas foram rapidamente seguidas de muitos outros pedidos da aristocracia e diversos nomes importantes do Reino Unido e Europa.

1875 Peter F. S. Heering falece aos 83 anos.

1876 Heering torna-se fornecedor da Corte Real Dinamarquesa.

1878 Heering torna-se fornecedor da Corte Imperial Russa e do H.R.H. o Príncipe de Gales.

1881 Neste ano foi produzida a mais antiga garrafa de Cherry Heering que foi preservada até hoje.

1884 Heering Cherry Liqueur torna-se fornecedor da Corte Real Dinamarquesa.

1900 Cherry Heering passa a ser importado ao Japão pela Suntory, como a primeira marca importada. A marca Heering é registrada no Japão. A Shenely Importing Co. recebe os direitos de importação para os EUA. Os irmãos Harald e Willam Heering assumem a responsabilidade pela empresa. Além disso, por volta de 1900 o produto passa a ser chamado de "Cherry Brandy" e não mais "Cherry Cordial".

1901 Heering Cherry Liqueur torna-se purveyor do Rei da Inglaterra.

1911 Heering começa a exportar um "Cherry Whisky", comercializado com a marca Heering.

producers 47 image

1914-18 A Primeira Guerra Mundial força uma parada nas exportações. A companhia muda o foco e sobrevive apenas com o mercado doméstico, na Dinamarca.

1915 No Raffles Hotel, em Singapura, o legendário bartender Sr. Ngiam Tong Boon é creditado pela criação da mistura que conhecemos hoje como o Singapore Sling. Acredita-se que ele usou Cherry Heering como um dos ingredientes-chave do drink.

producers 52 image

1921 Curaçao Heering, um produto completamente novo, é lançado. Outros novos produtos surgem em seguida, incluindo Liqueur Palmet, Cacao Heering e Komma.

1922 O clássico coquetel Blood & Sand, no qual Cherry Heering é um ingrediente chave, é criado e batizado em homenagem ao filme de 1922 estrelado por Rodolfo Rudolf Valentino, como um toureiro.

Anos 30 O método de produção é modernizado, menos manual, com máquinas modernas passando a ser responsáveis pelo processamento das cerejas.

1946 A produção de Cherry Heering muda-se de Heering Gaard, em Copenhagen, para uma nova fábrica perto das plantações de cerejas em Dalby.

1950-ano 60 Cherry Heering já é vendido em por volta de 144 mercados. São vendidos 350.000 caixas de 9 litros por ano. É o segundo licor mais vendido nos EUA, depois de Bénédictine D.O.M.

1957-77 Heering reativa sua frota de navios e novas embarcações são encomendadas.

1961 Heering adquire uma licença de 25 anos para produzir e exportar Kahluá fora do México e EUA.

producers 98 image

1963 O Príncipe Charles, então com 14 anos, é pego por um repórter inglês comprando um copo Cherry Heering em um hotel perto de Grodonstroun, na Escócia. Foi um escândalo e, logo em seguida, a idade para poder se comprar álcool legalmente na Escócia passou para 18 anos.

1970 O Cherry Heering foi alterado nas comunicações corporativas para “Peter Heering”,em um esforço para evitar a associação com in an effort to avoid association with cherry pickled herring (um canapé com pão, arenque e cereja).

1973 O reestabelecimento da Heering Shipping Line,a frota de navios mercantes da empresa, provou ter sido um erro fatal quando estourou a crise do petróleo em 1973. Foi um desastre financeiro para a família Heering.

1974 Lançamento da Christianshavner Aquavit.

1975 A maioria da parte administrativa dos negócios é realocada de Heering Gard para a fábrica de Dalby.

1977 Privatbanken, um banco dinamarquês, compra a propriedade da família, The Heering Gaard.

1990 Peter F Heering Company é adquirida pela Danisco A/S da Dinamarca e fundida com sua subsidiária De Danske Spritfabrikker (posteriormente renomeada Danish Distillers). Os novos donos instigaram uma reformulação completa da marca, incluindo a introdução de uma nova garrafa quadrada. O nome do produto também mudou de Peter Heering para o antigo Heering Cherry Liqueur, carinhosamente conhecido como Cherry Heering.

1999 De Danske Spritfabrikker, incluindo a Heering, é adquirida pelo V&S Group.

2006 A marca Heering é adquirida pela família Tilander.

2008 Coffee Heering é relançado.

2009 The Copenhagen, o coquetel oficial da cidade de Copenhagen, é criado (Cherry Heering é um ingrediente chave).

2013 Criação do The Peter F. Heering Sling Awards.

2015 Heering Cherry Liqueur comemora os 100 years do Singapore Sling

producers 71 imageproducers 44 image

CSS revision 692131d