Licor Swedish Punsch ou Arrack Punsch

  • Licor Swedish Punsch ou Arrack Punsch image 30843

Escrito por:

Swedish Punsch(não deve ser confundido com punch) também é conhecido como Arrack Punsch, Caloric Punch, Punssi em finlandês e simplesmente como Punsch. Com base em Batavia arrack, é um estilo de licor popular na Suécia e em outros países nórdicos (o Punsch norueguês também foi produzido pelo monopólio estatal), com uma potência variando de 27% a 50% alc./vol.

Punch (ponche) feito com destilado, água, açúcar, cítricos e especiarias foi uma bebida popular em toda a Europa no século XVIII, tendo sido introduzido pela primeira vez na Grã-Bretanha no final do século XVII. Na Inglaterra, ele era feito com conhaque, rum, uísque, ou arrack, ou uma combinação desses destilados. Mas, na Suécia e na Finlândia, arrack tornou-se a base preferencial e o nome punch virou punsch.

Arrack chegou na Suécia pela Companhia das Índias Ocidentais, em 1773, quando o Batavia arrack foi importado pela primeira vez a partir de Java e com ele veio 'punsch', feito imediatamente antes de ser servido quente em punchbowls. Água quente foi derramada sobre um torrão de açúcar em uma tigela, depois arrack, vinho alemão do Reno e especiarias. O punsch quente era então bebido em copos.

A versão de licor engarrafada ainda popular hoje surgiu em 1845, quando uma empresa importadora de vinhos, J. Cederlunds Söner, começou a vender o punsch engarrafado pré-misturado. Outras marcas surgiram rapidamente e tornou-se mais comum desfrutar do punsch servido frio como um licor - particularmente como um digestivo com o café.

Para fazer Swedish Punsc, misture arrack com rum branco (ou vodka), adoce com xarope de açúcar e adicione com limão siciliano e noz-moscada (algumas receitas também exigem cardamomo e canela).

Swedish Punsch tem um aroma pungente e um sabor distinto. Ingrediente bem versátil em coquetéis, temos muitas receitas de coquetéis com Swedish Punsch.

Legislação brasileira

Decreto No.6871

Art. 67. Licor é a bebida com graduação alcoólica de quinze a cinqüenta e quatro por cento em volume, a vinte graus Celsius, com percentual de açúcar superior a trinta gramas por litro, com a seguinte composição:

I - elaborada com:

a) álcool etílico potável de origem agrícola;

b) destilado alcoólico simples de origem agrícola;

c) bebida alcoólica; ou

d) mistura de um ou mais produtos definidos nas alíneas “a”, “b” e “c”;

II - adicionada:

a) de extrato ou substância de origem vegetal;

b) de extrato ou substância de origem animal; ou

c) da mistura de um ou mais produtos definidos nas alíneas “a” e “b”; e

III - opcionalmente de substância:

a) aromatizante;

b) saborizante;

c) corante;

d) outro aditivo; ou

e) mistura de um ou mais produtos definidos nas alíneas “a”, “b”, “c” e “d”.

§ 1o O licor que tiver o nome da substância de origem animal ou vegetal deverá conter esta substância, sendo proibida a sua substituição.

§ 2o O licor será denominado de seco, fino ou doce, creme, escarchado ou cristalizado, conforme as seguintes definições:

I - licor seco é a bebida que contém mais de trinta gramas por litro e no máximo cem gramas por litro de açúcares;

II - licor fino ou doce é a bebida que contém mais de cem gramas por litro e no máximo trezentos e cinqüenta gramas por litro de açúcares;

III - licor creme é a bebida que contém mais de trezentos e cinqüenta gramas por litro de açúcares; ou

IV - licor escarchado ou cristalizado é a bebida saturada de açúcares parcialmente cristalizados.

×
  • Bem-vindo (a)
  • Receba atualizações com muita informaçãosobre bebidas, bares ecoquetéis
  • Por favor, confirme que você tem mais de 18 anos e insira seu email
  • Não obrigado, continue para o diffordsguide.com
CSS revision 97176f8