História do gin parte 7 (1955-1997): a morte do gin e sua salvação

  • História do gin parte 7 (1955-1997): a morte do gin e sua salvação image 1
  • História do gin parte 7 (1955-1997): a morte do gin e sua salvação image 2

Escrito por:

O consumo de gin explodiu até meados dos ano 50, quando a vodka começou a ganhar "momentum" e virou moda. O gin ficou ultrapassado e, assim como seu fiel companheiro, o coquetel, estava fadado a desaparecer quase que por completo.

Os períodos de Guerra e pós-Guerra na Europa e EUA viram o nascimento dos alimentos de conveniência: ingredientes altamente processados, como purê de batata em pó ou misturas de gelatina que eram fáceis de armazenar, rápidos para preparar e, aparentemente, o caminho moderno para o futuro. Em 1937, um americano empreendedor inventou a primeira pré-mistura de coquetel, um pó que poderia entregar o desejado equilíbrio de doces e azedos, sem a necessidade de minuciosamente espremer frutas frescas para obeter cítricos e equilibrá-los com açúcar. As pistolas de refrigerante e os dispensadores de xarope eram abastecidos não apenas com refrigerante de cola, soda limonada e club soda, mas com tônica, ginger ale e até mesmo "suco de frutas". Finalmente, as máquinas de fazer gelo chegaram, para produzir em escala e rapidamente pequenos cubos de gelo. Esses minúsculos cubos de gelo que derretem rapidamente substituíram os maiores e os blocos de gelo, deixando os drinks aguados.

Diante dessas tendências, a grande maioria dos donos de bar optou por soluções mecânicas para compensar o déficit de bartenders talentosos. Ao invés de treinar seu pessoal para fazer um drink equilibrado e fresco, eles escolheram ensinar-lhes a produzir uma bebida quimicamente equilibrada, medíocre, usando pré-misturas. No início dos anos 80, bartending, coquetéis e gin atingiram o fundo do poço.

ency 91 image

1988 - Bombay Sapphire

Ao longo dos anos 80, as vendas de gin despencaram enquanto as de vodka explodiram, especialmente em seu mercado doméstico original, o Reino Unido, que também era base do gigantesco conglomerado Independent Distillers & Vintners (IDV), proprietário de Gordon's, Tanqueray e Bombay Dry. Esta era uma multinacional com um departamento de novos produtos que tinha capacidade, coragem e grandes orçamentos que lançaram muito sucessos, como Bailey's. Também tinha Michel Roux do seu lado, o presidente do Carillon, os distribuidores americanos de Bombay, e o povo que tinha lançado a vodka Absolut.

Então, em 1988, em um momento em que as vendas de gin estavam caindo, IDV e Carillon lançaram um novo gin: o Bombay Sapphire. Era como se eles tivessem olhado para o cabelo azulado dos idosos, o principal consumidor britânico de gin, e usado isso como inspiração de design para a garrafa de seu novo gin. Ao mesmo tempo, eles descartaram o Bombay Dry de seu portfolio no Reino Unido, chateando diversas senhoras em toda a Inglaterra. Foi necessário algum tempo até elas serem convencidas que o novo produto não era um gin azul, mas gin transparente embalado em uma garrafa azul.

Ame ou odeie, o lançamento de Bombay Sapphire foi ousado e inspirado. Também marcou o ponto de virada da sorte do gin. Cerca de três anos depois, o brilhante pessoal de marketing da IDV atingiu a indústria de bebidas do Reino Unido com outra bomba até então impensável: eles reduziram a força do líder da marca, Gordon's, de 40% para seu atual volume de 37,5% de álcool. Muitas outras marcas de gin seguiram o exemplo e rapidamente reduziram a força de seus produtos. Enquanto isso, Beefeater, então o número dois britânico das marcas internacionais de gin, manteve-se firme em 40% de teor alcoólico. Todos nós pensávamos que Beefeater iria bombar, mas o visionário time da IDV manteve o preço de varejo de Gordon's e investiu o valor economizado no imposto especial de consumo em marketing, alegando que isso ajudaria Gordon's e toda a categoria de gin em geral. Eles estavam certos: Gordon's cresceu, assim como a categoria de gin como um todo. Beefeater saiu-se bem pior.

1997 - Fusão da IDV & United Distillers

A fusão das duas maiores empresas de bebidas do mundo, a I.D.V. (Grand Metropolitan) e United Distillers (Guinness), formou o que hoje conhecemos como Diageo e gerou um através da indústria de bebidas. A corporação combinada emergiu para ser, de longe, a maior e mais poderosa empresa de destilados e foi obrigada pelas autoridades de concorrência no Reino Unido e nos EUA a fatiá-la. A Diageo foi forçada a abrir mão de marcas, o que resultou na venda de Bombay (Original & Sapphire) à Bacardi juntamente com o Dewar's Whisky, por uma soma combinada de US$1,2 bi, o que agora parece uma pechincha.

O surgimento da Diageo gerou sucessivas fusões e aquisições entre seus concorrentes, que procuravam ganhar corpo para enfrenta-la. Como resultado, houve consolidação no número de marcas de gin e muitos membros da aristocracia histórica do gin desapareceram, incluindo: Nicholson's, Booths (ainda feito nos EUA, mas uma mera sombra do que já foi) e Gilbey's (também disponível em outros mercados, mas sem a força que tinha no Reino Unido).

Continue lendo

História do gin parte 8: A nova era do gin e os gins da nova era (2000-até hoje)

Estilos de gin e definições legais
Botânicos do gin explicados
Como é feito o gin?

História do Gin - linha do tempo em 8 partes

História do gin parte 1: Origens e popularização da destilação (Século XII-meados do século XVI).
História do gin parte 2: O primeiro estilo de gin (1572-início do século XVII).
História do gin parte 3: O gin invade a Inglaterra (1638-1726).
História do gin parte 4: Gin Craze em Londres (1728-1794).
História do gin parte 5: Gentrificação do gin e Old Tom (1800-1830).
História do gin parte 6: O surgimento e o domínio do London Dry Gin (1831-1953).
História do gin parte 7: A morte do gin e sua salvação (1955-1997).
História do gin parte 8: A nova era do gin e os gins da nova era (2000-até hoje).

×
  • Bem-vindo (a)
  • Receba atualizações com muita informaçãosobre bebidas, bares ecoquetéis
  • Por favor, confirme que você tem mais de 18 anos e insira seu email
  • Não obrigado, continue para o diffordsguide.com
CSS revision 2c8d078