Rota Bacardi dos 3 ingredientes - Espresso Martini

Escrito por Marcelo Sant'Iago

Rota Bacardi dos 3 ingredientes - Espresso Martini image 1

Recentemente, em uma parceria com a Bacardi, visitamos 19 bares para experimentar 5 coquetéis clássicos feitos com 3 ingredientes: Caipirinha, Daiquiri, Dry Martini, Espresso Martini e Scotch Highball. Veja como foi nossa experiência com o Espresso Martini. Conheça sua história e as receitas.

Como uma forma de incentivar os coquetéis com 3 ingredientes, fizemos uma parceria com a Bacardi para visitar alguns dos principais bares de São Paulo e "desafiamos" bartenders a preparar a versão tradicional de 5 coquetéis emblemáticos: Caipirinha (com cachaça Leblon), Daiquiri (com rum Bacardi), Dry Martini (com gin Bombay Saphire), Espresso Martini (com vodka Grey Goose) e Scotch Highball (com Dewar's blended scotch whisky).

ency 64 image

Comigo nessa rota estiveram Marcelo Cury e Suemi Uemura, ambos discerning drinkers frequentes nos balcões da cidade.

Quem participou

Cada bartender preparou dois coquetéis dentre os 5 da lista. Visitamos os bares em data pré-agendada e com os drinks já distribuídos entre 19 bartenders. O pedido era sempre pela receita clássica, mas teve gente que acabou criando sua própria versão.

Alexandre Arruda, do Porto Luna (Caipirinha, Dry Martini)
Alexandre D'Agostino, do Apothek (Dry Martini, Espresso Martini)
Alice Guedes, do Guarita (Caipirinha, Daiquiri)
Amauri Silva, da Veridiana Jardins (Caipirinha, Daiquiri)
Chris Machado, do Seen (Caipirinha, Daiquiri)
Eduardo Tavares, do Guilhotina (Daiquiri, Espresso Martini)
Elen Souza (Daiquiri, Espresso Martini)
Felipe Leite, do Bar do Jiquitaia (Caipirinha, Daiquiri)
Gabriel Santana, do Benzina (Daiquiri, Scotch Highball)
José Ronaldo, do Sub Astor (Dry Martini, Scotch Highball)
Marcos Félix, do Olívio/Fortunato (Caipirinha, Espresso Martini)
Paulo Corghis, do Camden House (Dry Martini, Scotch Highball)
Rafael Domingues, do Frank (Caipirinha, Dry Martini)
Rafael Welbert, do Balaio IMS (Caipirinha, Daiquiri)
Ricardo Basseto, do D.O.T. (Espresso Martini, Scotch Highball)
Rodolfo Bob (Espresso Martini, Scotch Highball)
Rogério Frajola, do Sylvester (Daiquiri, Dry Martini)
Thiago Pereira, do Tessen (Dry Martini, Espresso Martini)
Zulu, do Candeeiro (Daiquiri, Scotch Highball)

Lembrando que não é um campeonato, nem fizemos um ranking. A única regra era respeitar os 3 ingredientes. Uma mistura de ingredientes preparada com antecedência foi considerada como um único ingrediente. Assim, tomamos drinks com vermute com infusão, com blend de café e outras combinações, todas igualmente deliciosas. As receitas serão apresentadas em ordem alfabética pelo nome de cada bartender. A cada semana iremos apresentar as receitas de um coquetel experimentado.

ESPRESSO MARTINI

Dos 5 coquetéis clássicos de nossa Rota, o Espresso Martini é o único contemporâneo, pois foi criado na década de 80, com o nome de Vodka Espresso, pelo mítico bartender Dick Bradsell (que também é o criador do Bramble). Segundo ele, uma modelo famosa pediu um coquetel que "Wake me up and fuck me up". Quando perguntado sobre exatamente por que ele pensou naqueles ingredientes, Bradsell disse: "A máquina de café no Soho Brasserie estava bem ao lado da estação onde eu servia bebidas. Era um pesadelo, havia grãos de café em toda parte! Então, o café estava na minha cabeça. E, na época, só bebia-se coquetéis com vodka".

O Espresso Martini é um dos poucos drinks de vodka que resistem à febre do gin e vive uma curva de crescimento.

"Sem dúvida o interesse por café de melhor qualidade é um dos grandes responsáveis por esse renascimento do Espresso Martini no mundo todo", contou-me Joe McCanta, embaixador global de Grey Goose, durante sua recente visita a São Paulo.

"Baristas e bartenders têm muito mais em comum do que as pessoas imaginam" afirmou Marcelo Cury. De fato, assim como bartenders, baristas precisam ter muito cuidado com os ingredientes - café e água, pois são fundamentais para entregar um produto final ao consumidor. "Além disso, baristas também precisam entender as preferências do público para poder entregar um serviço perfeito", completa Suemi Uemura.

Tamanha a preocupação com o Espresso Martini levou Joe McCanta a desenhar uma taça especialmente pensada para o coquetel. "Ela é elegante, refinada e abraça perfeitamente o líquido, ao contrário da tradicional taça Martini em formato de V, impedindo que ele derrame. Além disso, valoriza o aroma do café", diz ele.

ency 13 image

Taça criada por Joe McCanta especialmente para Espresso Martini

Mas, voltando ao nosso coquetel: a maioria dos bartenders preferiu uma receita com vodka tradicional. Apenas Thiago Pereira optou pela Grey Goose La Poire (sabor pera). Rodolfo Bob usou um blend próprio de licores e bitters, assim como Elen Souza.

Alguns optaram por um um blend exclusivo de café. Marquinhos Félix, por exemplo, usou o tradicional Café Consertado, típico de Bombinhas, em Santa Catarina: o café coado recebe açúcar, cravo, canela, gengibre. Na receita original adiciona-se também cachaça à mistura, mas, nesse caso, a vodka cumpriu o mesmo papel.

O veredicto final: não é à toa que até eu que não bebo café puro adoro um Espresso Martini.

RECEITAS

Alexandre D'Agostino, do Apothek Cocktails
"Como todo coquetel do Apothek, este tem alma clássica, mas um toque contemporâneo"
50ml vodka Grey Goose
20ml café cold brew
15ml calda de açúcar

Elen Souza
“Bati e depois finalizei no mixer de mão, para dar espuma mais homogênea"
40ml Vodka Grey Goose
40ml blend de licores Merlet e Tia maria
30ml café Nespresso Ristreto

Eduardo Tavares, do Guilhotina
"O licor Merlet traz mais corpo e sabor para a mistura"
50ml vodka Grey Goose
30ml café Espresso Nespresso Ristreto
25ml licor de café Merlet

Marquinhos Felix, do Fortunato
"Nosso Café Consertado sempre desperta curiosidade de quem experimenta o drink"
60ml Vodka Grey Goose
15ml licor Tia Maria
55ml blend de café coado com especiarias ("Café Consertado")

Ricardo Bassetto, do D.O.T.
“Usei a Patrón café para dar um toque picante especial”
50ml Vodka Grey Goose
20ml licor Patrón Cafe
40ml café espresso Illy

Rodolfo Bob
"Fiz um Dry shake para aumentar a cremosidade"
45ml Vodka Grey Goose
30ml Elixir (licor 43, licor Patrón café, Angostura e bitters de cacau)
30ml Café espresso fat da Martins Café

Thiago Pereira, do Tessen
"Um Espresso Martini com um leve toque asiático"
50ml vodka Grey Goose La Poire
30ml blend especial Martins Café da casa, moído na hora
15ml vermute Martini com Chai da casa (com 7 especiarias)

Veja também como foi a Rota dos 3 ingredientes Bacardi - Daiquiri
Rota Bacardi dos 3 ingredientes - Scotch Highball
Rota Bacardi dos 3 ingredientes - Caipirinha
Rota Bacardi dos 3 ingredientes - Dry Martini