13 Novembro

Um fanático por Martini morreu nessa data.

Por isso estamos bebendo...

Martinez #1 (Original com Genever)

"Você não pode manter um martini na geladeira mais do que manter um beijo lá. A união adequada de gin e vermute é uma grande e súbita glória; é um dos casamentos mais felizes da Terra e um dos mais curtos. "

Acadêmico, jornalista, romancista e bardo de alguns dos drinks americanos, Bernard DeVoto morreu neste dia, em 1955, deixando para trás um dos mais atraentes e maravilhosamente escritos tributos ao coquetel: The Hour: A Cocktail Manifesto.

Independentemente de você concordar com algumas das suas opiniões mais esquisitas - ele considera o Manhattan uma abominação - o louvor do homem pelo Martini ganha o nossa simpatia.

O brinde de hoje pode ser com um Dry Martini ou então com seu ancestral, o Martinez, usando nossa receita favorita com genever holandês.